Institucional 3

Cessão de área é feita para campus Ufla-Paraíso

14/08/2018

A Prefeitura de São Sebastião do Paraíso realizou nesta segunda-feira, 13 de agosto, o ato de transferência da área de 150 mil metros quadrados localizada na Avenida Antônio Carlos Pinheiro de Alcântara, nº 855, no Jardim Meditertanèe, à Universidade Federal de Lavras (Ufla). No local onde aconteceu o evento, será construído um campus e a apresentação do projeto a cerca de 300 pessoas foi feita pelo reitor, José Roberto Scolforo. Inicialmente serão oferecidos quatro cursos e 180 vagas por ano. A escritura de transferência foi assinada pelo prefeito Walker Américo Oliveira, juntamente com vereadores presentes.

O reitor falou sobre algumas diretrizes para a implantação do campus em Paraíso, entre elas a qualidade dos cursos no padrão Ufla, a integração com a comunidade, o fomento ao agronegócio e a agroindústria, o empreendedorismo e a mudança do perfil socioeconômico da região. Ele agradeceu o empenho de todas as pessoas e entidades envolvidas para a concretização deste projeto. O prefeito Walker relembrou as negociações com o Serviço Social do Comércio (Sesc) — antigo proprietário da área. A instituição também permanecerá no município, mas agora em outro local, na Praça de Esportes Castelo Branco, com previsão de obras de reforma e melhorias para o início do próximo ano e investimentos de R$ 11 milhões.

A mobilização para a implantação do campus em Paraíso começou em 2009, quando o primeiro projeto foi aprovado pelo Conselho Universitário (Cuni). Após modificações e tratativas junto ao Ministério da Educação (MEC), este ano o processo teve seguimento. A instituição foi fundada em 1908 em Lavras e transformada em universidade em 1994. Conta hoje com 36 cursos de graduação, 23 de doutorado e 35 de mestrado. A comunidade acadêmica tem 16 mil pessoas, sendo 880 professores, 600 servidores técnicos-administrativos, 550 funcionários terceirizados e 13 mil estudantes.

Durante a cerimônia, o reitor Scolforo apresentou um breve histórico sobre a evolução da Ufla — classificada entre as dez melhores universidades do Brasil, e ressaltou a importância de se aprovar e executar um projeto desta grandeza em um momento de extrema crise pela qual passa o País. Também afirmou que o comércio local será beneficiado, assim que as obras de construção do campus começarem. O evento teve a presença de agentes públicos, autoridades locais e regionais, além de  diversos segmentos da sociedade na área educacional e civil.

O projeto — A Ufla-Paraíso vai ter cinco prédios na área cedida pelo município para atender aos cursos a serem implantados: bacharelado interdisciplinar em Ciência e Tecnologia (BICT), os de Engenharia Industrial, de Software e de Produção, e o de Mestrado profissional em Tecnologias para a Agroindústria. O projeto também prevê apoio para aquisição de equipamentos, livros, concurso público para professores e técnicos administrativos ao longo de três anos. Os recursos na ordem de R$ 26 milhões já estão garantidos junto ao MEC e as obras estão em planejamento para licitação. A previsão é que as primeiras turmas ingressem na universidade em 2019. O funcionamento inicial ocorrerá em imóvel cedido temporariamente pela Prefeitura.


fotos: Denis Menezes
 

 

 

Endereço
Praça dos Imigrantes, 100 - Lagoinha
CEP.: 37950-000 — S. Seb. do Paraíso/MG
Telefone: (35) 3539-7000
Fax geral: (35) 3539-7001

Prefeitura de São Sebastião do Paraíso | MG

  • intranet
  • webmail
PMSSP